Seu navegador nao suporta javascript, mas isso nao afetara sua navegacao nesta pagina

Conselho Nacional de Procuradores-Gerais - CNPG

Menu
<

 

Uma audiência pública foi realizada na última sexta-feira, 13, na Câmara de Vereadores de Bento Gonçalves, para debater melhorias na atuação da Rede de Proteção à Mulher. Participaram do encontro o Promotor de Justiça Gilson Borguedulff Medeiros; a Delegada Especializada em Atendimento à Mulher, Deise Salton Brancher; o Presidente do Legislativo municipal, Valdecir Rubbo; a Juíza da 2ª Vara Criminal de Bento Gonçalves, Valéria Wilhelm; e a titular da Coordenadoria da Mulher, Regina Zanetti. 

A audiência discutiu os problemas enfrentados na manutenção do Centro de Referência à Mulher que Vivencia Violência (Revivi). De acordo com as estatísticas, em 2013, cerca de 1,4 mil ocorrências foram registradas na Delegacia da Mulher, das quais 35 por estupro. Em 2014, até outubro de 2014, foram 1,3 mil registros, sendo 36 por estupro. 

Em 2015, até março, foram mais de 300 ocorrências. A intenção dos participantes foi encontrar formas de viabilizar alguns dos programas de proteção à mulher que estavam previstos inicialmente pelo Revivi, mas que ainda não foram executados por falta de estrutura e servidores qualificados. 

.: voltar :.