Seu navegador nao suporta javascript, mas isso nao afetara sua navegacao nesta pagina

Conselho Nacional de Procuradores-Gerais - CNPG

Menu
<

O Procurador-Geral de Justiça, Ivanildo de Oliveira, apresenta nesta quinta-feira (26/8), durante a reunião ordinária do Conselho Nacional dos Procuradores-Gerais de Justiça da União e dos Estados (CNPG), na sede do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro, o projeto de “Taxonomia do Ministério Público Brasileiro”.

O Procurador-Geral de Justiça, Ivanildo de Oliveira, preside o Comitê Nacional Gestor de Tabelas, que tem por objetivo a definição da taxonomia (classificação das palavras) dos termos utilizados pelo MP, visando a uniformização das tabelas tanto em relação à movimentação processual quanto aos atos praticados. Também será criado um glossário único para ser utilizado pelos Ministérios Públicos dos Estados e da União, permitindo a elaboração de uma estatística nacional do Ministério Público Brasileiro.

O acolhimento das tabelas pelo CNMP, após apresentação e aprovação pelos Conselhos Nacional dos Procuradores-Gerais (CNPG) e dos Corregedores-Gerais (CNCG), será regulamentado por resolução pelo Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), cabendo a cada unidade institucional aplicá-la, gradativa e progressivamente.

A taxonomia é um sistema que classifica de forma hierárquica a informação, introduzindo ordem, eliminando ambiguidades, classificando-a de maneira lógica. É uma metodologia científica para permitir a mensuração de resultados a partir de uma base comum de informações.

Também participam da reunião no Rio de Janeiro o Corregedor-Geral do MP de Rondônia, Airton Pedro Marin Filho, que coordena o Comitê Gestor Nacional de Tabelas, e o chefe de Gabinete da Corregedoria-Geral, Promotor de Justiça Jesualdo Eurípedes Leiva de Faria.

 

 

Assessoria de Comunicação (Ascom/MPRO)

Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

.: voltar :.